Já estão liberadas as consultas ao lote residual de restituição do Imposto de Renda



A Receita Federal liberou no dia 8 de fevereiro, quinta-feira,  às 9 horas da manhã, a consulta do lote multiexercício de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física, IRPF, que contempla as restituições residuais dos anos de 2008 à 2017.



No dia 15 de fevereiro, pouco mais de 102 mil contribuintes receberão o crédito bancário, que terá um total de mais de 210 milhões de reais, sendo R$ 78758 milhões dos contribuintes com algum tipo de preferência, como os 20.269 idosos e 1.732 pessoas com deficiência física, deficiência mental ou com alguma moléstia grave. O contribuinte que desejar saber se sua declaração já está liberada, basta acessar o site da Receita ou ligar para o Receitafone, no número 146. Pelo portal da Receita Federal o contribuinte deve acessar o serviço e-CAC e verificar o extrato da declaração para saber se existe alguma inconsistência  dos dados identificados no processamento.

Portanto, desta forma, o contribuinte conseguirá saber as inconsistências e regularizá-las entregando uma declaração retificadora. Também está disponibilizado nos tablets e smartphones um aplicativo da Receita, o qual torna as consultas das declarações do IRPF e da situação do cadastro do CPF mais fáceis. O valor da restituição estará disponível na rede bancária por um ano e, caso o contribuinte não faça o resgate deste dinheiro no prazo, ele deverá fazer um requerimento online, chamado Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou também no e-CAC. Se, depois de feito o requerimento, o valor não for depositado, o contribuinte terá que ir à uma agência do Banco do Brasil ou ligar para a Central de Atendimento nos telefones abaixo:

Capitais: 4004-0001 / outras localidades: 0800-729-0001 / para deficientes auditivos: 0800-729-0088




Que tal economizar com os gastos com papel e ajudar o meio ambiente?

Imprima somente o necessário
Seja econômico: alguns documentos precisam de cópia física, tais como comprovantes de pagamentos ou contratos, mas se o restante dos dados você puder armazenar em um computador, pen drive ou hd externo, melhor!