Regras do Imposto de Renda 2020


Na última quarta-feira, dia 19 de fevereiro, a Receita Federal divulgou as regras para a declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física do ano de 2020, veja abaixo o que mudou:



De acordo com informações divulgadas pela Receita Federal, o prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda deste ano será do dia 2 de março até o dia 30 de abril, enquanto o programa para envio do informe de rendimentos já está disponível desde o dia 20 de fevereiro. Agora, veja algumas alterações que ocorreram para este ano:

Em 2020 ocorre o fim da dedução de até R$ 1251,00 para quem contratou empregados domésticos no ano anterior; e o calendário de pagamento da restituição será antecipado e realizado em cinco lotes, nos meses de maio, junho, julho, agosto e setembro, sendo que o prazo para escolher o débito do valor será do dia 31 de março até o dia 30 de abril.

Já a faixa de isenção do IR não sofreu alterações, devendo prestar contas os cidadãos que obtiveram, em 2019, rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 ou renda bruta acima de R$ 142.798,50 em atividade rural ou, ainda, quem teve rendimentos não tributáveis acima de 40 mil reais. O contribuinte poderá, neste ano, optar por destinar até 3% do seu tributo para o Fundo da Criança e do Adolescente e ao Fundo do Idoso.




Que tal economizar com os gastos com papel e ajudar o meio ambiente?

Imprima somente o necessário
Seja econômico: alguns documentos precisam de cópia física, tais como comprovantes de pagamentos ou contratos, mas se o restante dos dados você puder armazenar em um computador, pen drive ou hd externo, melhor!