O que leva um contribuinte à malha fina do IR?



Alguns erros na declaração do Imposto de Renda podem gerar punições aos contribuintes. Por isso, é importante fazer tudo dentro dos prazos e com muita atenção.



É importante que todo contribuinte entregue sua declaração do Imposto de Renda nos prazos determinados pela Receita Federal. Porém, a declaração deve ser feita com muita atenção, evitando erros que podem leva-lo à malha fina e trazer penalidades. Um exemplo de penalidade é para quem omite rendimento, que recebe uma multa de 75% do imposto devido e, se for constatada alguma fraude, a multa passa para 150% do valor do imposto.

Outros erros mais comuns cometidos pelos contribuintes e que levam à malha fina do IR são: informar valores de rendimentos errados; não lançar a pensão alimentícia; deduzir despesas médicas de pessoas que não são seus dependentes; lançar despesas com educação que não são dedutíveis, como, por exemplo, cursos de idiomas, extracurriculares e preparatórios para vestibular; não incluir os rendimentos dos dependentes; omitir salários de outros empregadores; omitir valores recebidos de aluguéis; incluir dependentes de forma errada; incluir uma pessoa em duas declarações; deixar de recolher os impostos sobre os ganhos com ações; e deduzir todo tipo de doações.




Que tal economizar com os gastos com papel e ajudar o meio ambiente?

Imprima somente o necessário
Seja econômico: alguns documentos precisam de cópia física, tais como comprovantes de pagamentos ou contratos, mas se o restante dos dados você puder armazenar em um computador, pen drive ou hd externo, melhor!